Conheça a forma mais pitoresca de passear pelos vinhedos de Lavaux.

Embarque conosco em mais uma viagem pela Suíça!

Nosso passeio hoje sai de Lausanne à bordo do La Suisse – um dos barcos estilo Bélle Epoque do Lago Léman, com destino a Cully. O passeio dura 30 minutos! Na verdade vou corrigir: Trinta lindos minutos, onde você aproveita a vista dos terraços e vinhedos sob o ponto de vista do lago. As colinas e vilarejos se conectam uns aos outros através dessa maravilha: Os vinhedos de Lavaux, que fazem parte, desde 2007, do patrimônio mundial da UNESCO na Suíça.

Passeio barco Belle Époque Lausanne
Passeio barco Belle Époque Lausanne

Vamos fazer uma curta pausa e falar um ‘tantinho’ sobre o clima durante os passeios pela Suíça: Neste dia estávamos acompanhando de pertinho a previsão do tempo pois os meteorologistas já avisavam que uma baita tempestade era prevista para esta região neste dia ‘no final da tarde’. Para estar sempre atualizado, consulte nossa página sobre o clima! Continuando…

Lavaux Express saindo de Cully

Chegando a Cully, o nosso próximo meio de transporte já nos aguardava: o trenzinho do Lavaux Express* já estava posicionado. Desta vez vamos vivenciar os vinhedos ‘por dentro’, em um passeio pitoresco que te faz conhecer ainda melhor alguns vilarejos e observar de pertinho as parreiras e, principalmente, o enorme trabalho em cultivar um terroir (lugar onde as parreiras estão plantadas) tão complexo como este.

Passeando 'por dentro' dos vinhedos de Lavaux!
Passeando ‘por dentro’ dos vinhedos de Lavaux!

Mas, e os vinhos suíços, são bons mesmo? Por que não ouvimos falar tanto deles? Um dos motivos é o fato da quantidade de vinhos produzidos. Ela realmente não se compara a produções francesas, italianas ou chilenas, o que faz com que os nosso vinhos sejam consumidos pelos próprios suíços e muitas das garrafas dos melhores vinhos já saiam diretamente para restaurantes e hotéis dentro da própria Suíça. A procura é maior que a demanda e apenas 1 a 2% do nosso vinho é exportado. Portanto, não deixem de aproveitar a oportunidade e degustar um bom vinho suíço durante sua estadia.

Em uma parada para fotos você também pode fazer uma degustação!
Em uma parada para fotos você também pode fazer uma degustação!

Hoje temos em torno de 50 tipos de uvas plantadas em uma área de 15’000 hectares. Temos muitas uvas internacionalmente conhecidas, e duas delas são típicamente suíças, a Chasselas que produz o vinho branco e a Pinot Noir o vinho tinto. Elas hoje ocupam uma área de 4073 e 4430 hectares respectivamente.

Passeando pelos vinhedos e conversando com alguns locais, sentimos o comprometimento e necessidade de valorizar ainda mais esta região e o trabalho árduo dos vinicultores. Este ano (2019) acontece em Vevey uma festa especial chamada Fête des Vignerons – uma festa celebrada praticamente a cada geração (em torno de 25 anos) que celebra o trabalho do melhor vinicultor. Nós do Guia Suíça incentivamos que vocês conheçam de perto esta região, aproveitem a linda vista e também valorizem o trabalho dos vinicultores locais consumindo e se possível, claro, comprando seus produtos. Esta é uma forma maravilhosa de manter este patrimônio. Estamos sempre comprometidas com o Turismo Sustentável e queremos vocês conosco.

Um grande beijo e au revoir!

*Uma vez, em um de nossos tours, nosso cliente pergunta se demos sorte, pois em todas as trocas, mesmo as de tempo bem curtinhos, sempre conseguíamos pegar o trem seguinte. Sorri e expliquei pra ele uma coisa que muitos não sabem: o sistema de transporte na Suíça tenta ao máximo conectar a chegada de um transporte com a saída do próximo. Por isso, poucos minutos depois, nosso ‘trem’ Lavaux Express saía de Cully para os vinhedos.