5 dicas para sua primeira trilha na Suíça

Algumas dicas básicas para que esse dia na natureza suíça seja inesquecível

Começou o verão por aqui e os alpes estão sendo os destinos mais procurados. Fazendo algumas trilhas nestas primeiras semanas em que retornamos a viajar pelo país, percebi um grande aumento de pessoas praticando este esporte nacional suíço, o Wanderung. Wandern é o verbo alemão ‘trilhar’. Foi ele que deu origem a famosa palavra “Wanderlust”.

Wanderlust – forte desejo de viajar

Nós organizamos nosso primeiro grupo de trilhas há algumas semanas e muitas das participantes fizeram sua primeira trilha conosco. Tudo foi organizado por nós, detalhes, rota, como chegar, compra de bilhetes, etc. Há alguns detalhes básicos antes de dar, efetivamente, os primeiros passos na sua trilha e é por isso que escrevi esse artigo. Vou deixar aqui 5 dicas para vocês, vamos a elas?

Dica nr. 1 – Seu corpo

Isso mesmo, antes de tudo, vamos olhar com carinho para o nosso corpo. Trilhas não são algo exclusivas para quem tem um corpitcho sarado, de forma alguma! Olhando para seu corpo e seu condicionamento físico, você vai escolher a trilha ideal, pelo tempo, subida e descidas e distância. Trilhas não são competições para ver quem chega primeiro, é um momento (para mim) de contemplação da natureza, pausas, etc. Para ficar na memória como algo prazeroso e não uma lembrança do quanto foi difícil e a sensação de “nunca mais na vida” 😀

Dica nr. 2 – Deslocamento

Quanto tempo eu preciso até começar minha trilha? Tenho que pegar bondinho, trem, ônibus, etc.? Isso tudo vai contar além do tempo efetivo de sua trilha. Se você escolhe uma trilha fácil de 1 hora, mas precisa de 3 horas para chegar e mais 3 para voltar, vai valer a pena para você? Caso valha a pena, pela vista, etc., tudo bem, mas é bom saber antes e evitar surpresas. O valor do deslocamento também deve ser observado.

Dica nr. 3 – Clima

Quando podemos fazer trilhas pela Suíça? O período ideal é entre a primavera e outono, quando o clima é mais ameno e muitos dos caminhos já estão livres da neve. Eu adoro fazer caminhada na neve com um sapato especial, mas durante o verão é mesmo mais agradável. Acompanhar a previsão do tempo antes de sair de casa é essencial para decidir qual roupa levar e se vale a pena fazer ou adiar o passeio. O clima nas montanhas muda rapidamente e é comum, mesmo no verão levarmos uma jaqueta leve e uma de chuva (esta última é ideal para conter o vento durante a caminhada).

Dica nr 4 – Na mochila

Além das roupas ideais, um bom piquenique e água suficiente, um bom piquenique é essencial. Eu não como carne e vou deixar aqui algumas dicas do que levo: Verduras (pepino, pimentão, cenoura cortadas) e frutas (maçã, cerejas, nectarina, tomate, damasco, pera), queijo, barras de cereal, sanduíches feitos em casa, bolachas e hummus (pasta feita com grão de bico). Se você come carne, lembre-se, geralmente os frios são produtos mais salgados, leve um pouco mais de água para sua trilha. Além disso, levo sempre uma toalha para sentar, guardanapo, canivete, colher/faca/garfo/copo próprios, óculos de sol, chapéu e protetor solar, além de saco para levar meu lixo de volta. Veja neste vídeo a trilha que fizemos e mostramos o que levamos em nossa mochila.

Dica nr 5 – Esteja na trilha

Contemplação durante o caminho é a melhor dica que eu trago para vocês. Acho que esse é o segredo que aprendi nestes anos com xs suíçxs. Por dentro da floresta encontramos diferentes tipos de flores, animais e plantas que não encontramos em outras regiões. As montanhas e arquiteturas, e na Suíça principalmente os idiomas são diferentes. Esses detalhes é que farão sua trilha ainda mais especial e única. Lembre-se que as flores ficam lindas nos seus registros feitos com a camera, não colha flores ou plantas durante as trilhas. Muitas delas são protegidas.

Além dessas dicas deixo uma extra, um bônus para vocês:

Dica preciosa – Cuide da trilha

Levando seu piquenique de casa você produz menos lixo, levando seus talheres e copo você evita os produtos descartáveis. Não colhendo flores e plantas você cuida para que as pessoas que farão a trilha depois de você, possa admirar tudo de forma intacta. Optando em usar o transporte público curtimos o passeio e cuidamos da natureza desde o início. Além disso, na Suíça, o transporte público chega até os vilarejos mais distantes e muitas trilhas iniciam exatamente destes lugares. Não é legal?

E vocês, quais trilhas já fizeram e qual a experiência? Tem alguma dica para adicionar às nossas? Não se esqueçam que nós da Guia Suíça organizamos trilhas de acordo com o nível da(o)s participantes. Vai ser um prazer fazer parte desse passeio inesquecível. Vamos?

Um abraço e bis bald (até breve),
Luci